Método JEDI para indexar no Google na velocidade da luz

By | January 9, 2014

Atenção: Você está prestes a aprender uma técnica secreta utilizada por pessoas nada convencionais. Utilize-a por sua conta e risco! 

 

Metodo JEDIConfesso que estava louco para escrever este post porque quando aprendi esta técnica de indexação, fiquei muito impressionado com a criatividade dos “underground SEO experts”.

Esses caras são como testadores de jogos: fazem combinações mirabolantes, estressam o algoritmo do Google e observam o seu comportamento. Um dia, eu terei estrutura para fazer esses testes malucos! 😛

Vale ressaltar que o que vou mostrar aqui não é uma estratégia Black Hat, e sim uma maneira de aproveitar um grande “amor” que o Google sente pelo Youtube e para quem ele concede alguns privilégios, mesmo que não admita publicamente.

Antes de tudo, é importante explicar um conceito básico que você precisa entender para se familiarizar com SEO e o algoritmo do Google.

Caso já tenha conhecimentos mais avançados sobre o assunto, recomendo que pule esta primeira parte.

 

O conceito de indexação

Explicando de uma maneira simples, estar indexado no Google significa estar presente na sua base de dados.

Todo artigo ou site novo demora algum tempo para ser indexado e ter a chance de aparecer nos resultados de uma pesquisa.

Este é um processo automático realizado por um spider (também chamado de crawler ou bot), que nada mais é do que um programa que vasculha a internet e visita os sites para obter informações e criar os resultados que você encontra no Google.

Em condições normais, a indexação de um artigo ou site novo pode demorar alguns dias ou até mais de uma semana.

Isto significa que mesmo que você tenha publicado um novo artigo hoje, ninguém poderá encontrá-lo no Google por alguns dias.

 

Por que é bom indexar o mais rápido possível?

Saia em primeiroEu encaro a indexação como a largada de uma maratona. Este é o ponto de partida para começar a corrida.

O fato de você largar primeiro não necessariamente significa que irá vencer, mas dependendo do seu nicho, isto pode dar uma certa vantagem.

Por exemplo, existem alguns assuntos que se popularizam rapidamente (lançamento de um novo produto, dieta etc) e fazem com que milhares de pessoas procurem informações no Google.

Neste momento, é preciso ser ágil para aproveitar o boom e ficar à frente da multidão que está literalmente com o cartão de crédito na mão para comprar o que quer que seja.

Imagine você com um ótimo artigo saindo do forno, altamente otimizado para conversão, mas ficar esperando vários dias para ser indexado e começar a rankear.

Enquanto isso, o seu concorrente que utilizou o método JEDI indexou no mesmo dia e já está na primeira página recebendo tráfego e realizando vendas….hehe! 😉

Este intervalo de tempo pode significar um lucro ou prejuízo considerável.

Em resumo: Quanto menor o tempo ocioso, melhor!

 

O método tradicional

Existe uma ferramenta chamada Pingler que é bastante utilizada por empreendedores digitais para agilizar a indexação. Além de ser fácil de usar, é gratuita.

O que ela faz é enviar um aviso ao Google (conhecido como “ping”) de que um conteúdo novo está disponível e que os seus spiders são bem-vindos para conhecer e indexar.

Não sei detalhar o quão mais rápido é a indexação utilizando o Pingler, mas percebi que é melhor do que não fazer nada. Já tive artigos que foram indexados em 2 ou 3 dias.

Existem muitas outras versões similares ao Pingler e que fazem basicamente a mesma coisa. Se você já conhece outra ferramenta e prefere utilizá-la, não tem problema.

 

O método JEDI

Esta é a técnica que utilizo nos meus sites e preciso fazer um alerta: Se você tiver um site com muito tráfego e o conteúdo for gerado por meio de posts (ou seja, o novo conteúdo fica visível aos visitantes, ao contrário das páginas do WordPress que podem ser ocultadas), talvez o método tradicional seja o mais adequado para o seu caso.

Mais para frente, você irá entender o por que estou dizendo isso.

Para aplicar o método JEDI, siga os seguintes passos:

1) Inclua um vídeo do Youtube em cada artigo novo que você quer indexar rapidamente. O conteúdo do vídeo não importa, apenas faça o “embed” de um vídeo.

Por exemplo, se você quiser indexar 3 artigos diferentes, crie cada postagem (pode ser até sem texto) e inclua um vídeo do Youtube em cada um deles. É para fazer “embed”, e não postar o link.

2) Instale o plugin (gratuito) Google XML Sitemap for Videos e ative-o. O que ele faz é criar um mapa do site para todas as postagens que tiverem vídeos do Youtube.

Caso não saiba, o mapa do site é um arquivo que facilita o entendimento do Google sobre o conteúdo do seu site.

3) Depois de ativar o plugin, vá para Ferramentas >> Video Sitemap:

Ferramentas - Video Sitemap

4) Clique em Generate Video Sitemap:

XML Sitemap dashboard

5) Na próxima tela, você verá a confirmação de que o mapa do site foi criado com sucesso. Clique na opção “Ping Google” que está disponível no corpo do texto:

XML Sitemap created

6) Após “pingar” o Google, aparecerá uma mensagem dizendo que a notificação foi enviada com sucesso:

Sitemap notification received

Pronto! Agora, basta esperar.

A indexação é praticamente garantida no mesmo dia porque eu já testei diversas vezes. Há relatos de pessoas que conseguiram em apenas alguns minutos.

Para saber se o seu artigo foi indexado, basta copiar a URL e colar no campo de busca do Google. Se ele tiver sido indexado, aparecerá como primeiro resultado da busca.

Após a indexação, você pode remover o vídeo do Youtube e colocar o conteúdo que quiser.

 

Por que isso acontece?

Não sei! hehe!

O fato é que o Google adora vídeos do Youtube (afinal, o dono precisa gostar do seu xodó) e dá uma certa bonificação tanto na indexação quanto no rankeamento.

Repare que, dificilmente, você encontra vídeos do Vimeo ou qualquer outro serviço nas primeiras posições. Em 99,9% dos casos, são os vídeos do Youtube que aparecem no topo do ranking.

Coincidência?

Uhum, vai nessa!

 

Comentários adicionais

Se a sua keyword for muito fácil de rankear devido à baixa concorrência, provavelmente, o artigo irá aparecer nas 3 primeiras páginas logo que for indexado.

Veja abaixo um exemplo de um artigo que escrevi no dia 7 (anteontem). Escondi algumas informações para não revelar tudo:

Post 7 Janeiro 2014

Depois de usar o método JEDI, o meu artigo foi indexado na velocidade da luz e, no próximo dia, já era possível monitorar o posicionamento para as keywords que queria:

SERP 8 Janeiro 2014

Veja que em apenas 1 dia, o meu artigo já foi indexado e está na 2º e 3º página do Google para diferentes keywords.

Este é um sinal claro de que a concorrência é baixíssima e acho que dentro de 1 ou 2 semanas, já estarei no topo recebendo tráfego e realizando vendas!

 

Por fim…

Espero que tenha gostado desta dica vinda diretamente das estrelas! 🙂

Faça o teste e veja se consegue obter os mesmos resultados.

Caso tenha alguma dúvida, deixe um comentário!

 

Imagem: freedigitalphotos.net

 

Author: Byong Kang

Engenheiro químico fajuto, ex-bancário estressado e atual empreendedor digital vivendo o estilo de vida que sempre quis!

69 thoughts on “Método JEDI para indexar no Google na velocidade da luz

  1. André

    Engraçado eu sempre usei esse método, e nem tinha notado que era tal bom hehe:)

  2. Edson

    Grande Byong.

    Já fui correndo fazer isso.

    Grande abraço e muito sucesso.

  3. William

    Muito legal o artigo cara.

    Me tira uma dúvida, eu pego um Embed de qualquer vídeo, crio um novo post e apenas colo o arquivo do Embed no Html. Depois instalo o plugin e pronto? Espero indexar e depois crio o conteúdo?

    1. Byong Kang Post author

      Olá William!

      O passo a passo seria assim: Cria um novo post >> Faz o embed de qualquer vídeo do Youtube >> Publica o post >> Instala e ativa o plugin >> Gera o mapa do site >> Pinga o Google >> Depois de algum tempo (talvez 1 hora), procura a URL do post no Google >> Se estiver indexado, remove o vídeo e muda o conteúdo.

        1. William

          Você já testou a versão desse plugin só que ao invés de vídeos é imagem?

  4. John Silva

    Oi Byong!

    Passando só para dizer que fiz o teste e consegui uma indexação em menos de 2 minutos.

    Muito bom!

    1. Byong Kang Post author

      Nem eu consegui isso..hahah! Excelente!

    1. Byong Kang Post author

      É aquele código que você usa para postar um vídeo no artigo. Está disponível na opção Compartilhar de qualquer vídeo do Youtube.

      1. Lopes

        Olá Byong!

        Fiz um post ontem e fiz essa estratégia e já esta indexado no Google! ahaha

        Muito obrigado!
        Abraço!

  5. Felipe Nascimento

    Cara, que dica super ninja essa.

    O Google dá relevância para o Youtube por causa do… dinheiro vindo dos anúncios.

    Bora testar agora 🙂

  6. Edson

    Rapaz, que coisa de doido. Acabei de fazer um site, coloquei a primeira postagem com meia dúzia de palavras, saí por 10 minutos, quando voltei já estava indexado.
    É, você tá virando um “guru” da internet. rsrs
    Grande abraço e muito sucesso a todos.

  7. Denilson

    Fantástica esta dica. Estou colocando o seu artigo em meus favoritos e vou seguir este roteiro nos próximos posts.

  8. Vinicius Horta

    Show cara, suas dicas são realmente incríveis, venho fazendo diversos testes com base nas suas dicas sobre SEO, até agora os resultados são animadores, bem animadores 🙂

    Abraço!

  9. luiz

    Olá Byong, tentei fazer o teste, uma dúvida que tenho, eu preciso estar com o robots.txt e o sitemap.xml configurados… não consegui êxito no teste.
    abs,
    Luiz

  10. Rosivan S Soares

    Perfeito!

    O resultado do meu teste apareceu 2 horas após a postagem, muito melhor que depender da indexação automática do Google! O método realmente funciona. \o/

    Byong Kang, seu trabalho é sensacional. Conheci o Mundo Y a poucas horas e já sou fan! 🙂
    Ainda não tenho de fato um produto ou site de nicho, apenas idéias e alguns domínios criados para testes, mas depois de conhecer o Mundo Y com certeza irei pensar menos e agir mais!

  11. alefy

    Grande Byong,

    Me tire uma duvida qual o tema que você utiliza no seu blog?Claro se puder!

  12. Geraldo Barbosa

    Byong! Essa eu tenho que compartilhar com você!
    Esse método é realmente JEDI!

    Eu acabei de terminar um site de nicho, nem tinha cadastrado no webmaster tools, sempre faço isso antes de começar qualquer site, mas dessa vez eu deixei de lado. Pesquisei no google e não tinha nenhuma referência pois criei o domínio hoje 14:45… pinguei com o plugin agora às 23:37…. atualizei meu “diário” e quando pesquisei novamente às 23:39 as páginas estavam indexadas!!! Incrível.

    Abraço!
    Geraldo

  13. john

    Ola beyong, quando voce diz ” por sua conta em risco” o que quer dizer? Pode acontecer algum problema ao usar a tecnica JEDI? Seja sincero, pois estou começando a criar confiança em voçe. E outra tem que seguir esse passo a passo todo para cada postagem ou apenas uma vez e deu? Estou criando um blog no nicho da beleza para rentabilizar com adsense posso utilizae a tecnica JEDI? Espero que responda valeu

    1. Byong Kang Post author

      Olá John!

      Essa técnica não oferece nenhum risco de punição, só quis dizer que ela é muito poderosa. É a mesma coisa que você dar à uma criança um sabre de luz! 😛

      Crie todas as postagens e faça apenas uma vez, já será o suficiente (o que não significa que fazer várias vezes seja ruim).

      Abraço!

  14. Edison Silva'

    Byong, tudo bem!!

    O Mapa do Blog que você utiliza é o mesmo que o plugin => Ps Auto Sitemap.. , notei que os sites que utilizam este plugin , mostram um índice de conteúdo onde as postagens são organizadas para facilitar a vida doleitor. Mostra todos os artigos publicados de forma ordenada e que se atualiza automaticamente a cada nova postagem. Melhora o acesso dos usuários e estimula com isso que permaneçam mais tempo no blog visitando conteúdos que não estavam procurando ou encontrar com mais facilidade o que buscam ou seja , facilitar aos Buscadores (Google, Bing, Yahoo entre outros) a localização dos conteúdos do blog.
    Ou seja o plugin é o mesmo ?
    Sucesso e forte abraço!!

    1. Byong Kang Post author

      Olá Edison!

      Eu uso o Google XML Sitemap.

      Abraço!

  15. Diego Almeida

    Caro Byong, primeiramente quero parabenizar e agradecer pela dica incrível.

    Qual é o plugin que você usa para monitorar o posicionamento das keywords?
    Este que você mostra em umas das imagens do post.

    Forte abraço!

  16. Rodolfo

    Cara eu te amo <3

    Vem cá voc sabe me informar se isso também funciona no blogger?

    Parabéns pelo site!

  17. Ronaldo Souza

    Olá Byong,

    Parabéns por mais um artigo de qualidade. Utilizei sua dica no meu blog e rapidamente meu artigo foi indexado no Google.

    Obrigado e Sucesso!

    1. Byong Kang Post author

      Olá Matheus!

      Não é um plugin, é um serviço oferecido por uma empresa chamada Serpfox (existem outras também). Veja a aba de Ferramentas do blog.

      Abraço!

  18. Thiago

    Massa Byong, show de bola suas dicas.
    Parabéns..
    😀

  19. tiago

    ola amigo,essa tecnica so funciona com o wordpress com este plugin instalado?seu eu colocar em um site o embed do video nas postagem ira funcionar sem ter esse plugin em um site que nao é wordpress?

  20. Paulo

    Olá, eu li todo seu post, mas essa manobra toda creio que muitos sites não fazem isso tudo, eu estou a meses pesquisando uma forma de indexar imediatamente na busca do google, e noto que muitos sites fazem isso como

    e muitos outros que produzem programas de televisão, pesquisei e vi que eles usam Google “Sitemap Generator Plugin for WordPress”
    eu até olhei em paginas de cache se eles tivessem colocado algum video do youtube ali apareceria mas nada, eles postam qualquer conteúdo e aparece na hora
    eu vou testar esse plugin tentar desvendar esse mistério, porque o meu site demora 2 dias para entrar na busca e muitas páginas nem entram, e o deles entra na hora, e são sites simples que usam wordspress, fica a dica obrigado

    1. Sérgio

      Amigo, qual p exato nome desse plugin? “Sitemap Generator” ou “Google XML Sitemap Generator”, o uso dele deu realmente algum resultado? Uso o sitemap do plugin “Yoast SEO”, será que ele é menos eficiente que os outros?

  21. Cristiano

    Byong fiz o teste e procurando no google com a palavra chave meu post está em 8 lugar mas eu fique com uma dúvida.
    Você disse “Cria um novo post >> Faz o embed de qualquer vídeo do Youtube >> Publica o post >> Instala e ativa o plugin >> Gera o mapa do site >> Pinga o Google >> Depois de algum tempo (talvez 1 hora), procura a URL do post no Google >> Se estiver indexado, remove o vídeo e muda o conteúdo.” só que eu fique com uma dúvida eu uso links permanentes então quando mudar o conteúdo vou ter que mudar o titulo. Então eu tenho que criar o post com o titulo certo e depois só tiro o vídeo e coloco o post?

    1. Thiago Sales

      Cristiano,
      Pelo que entendi basta apenas retirar o video de dentro do seu post.
      Abs,

  22. Valter Ribeiro

    Olá, acabei de fazer o teste, realmente funciona, muito obrigado. Agora uma dúvida, otimizei meu artigo para uma expressão e o mesmo já na 1ª indexação apareceu na 1ª posição da 3ª página. Você citou que aconteceu o mesmo com você em um artigo e falou que em uma ou duas semana provavelmente estaria na 1ª página. Minha dúvida é: Um artigo otimizado que aparece na 2 ou 3 já na primeira indexação provavelmente irá para a 1ª página “com o tempo”, ou terei que acrescentar alguma coisa nele para isso ocorrer?

    1. kleber

      Tenho a mesma dúvida!
      Mas pela “idade” das postagens não sei se teremos retorno….rs

  23. Karina

    Você acha ou já comprovou que o google mantém um site novo (de três a seis meses) em Sandbox?

    Tenho criado alguns blogs e percebo que mesmo indexado no google, não aparece em nenhuma das páginas. Quando busco pelo palavra-chave que defini no meu blog.

  24. charles

    olá

    fiquei com uma duvida , e preciso fazer todo este processo a cada post , ou agora e automático para posts com videos do youtube ?

  25. Allan Priete

    Bom Dia !

    no tutorial você fala para excluir o vídeo do post, mas se eu tiver o vídeo posso deixar isso faz alguma diferença ?

    obrigado parabéns pela dica !

  26. francisco

    Como assim não interessa o conteudo do video? Se falo sobre emagrecimento eu vou colocar videos da galinha pintadinha? Meio louco isso aí!

  27. Manuel

    Amigao, e pra quem não usa o WordPress? No meu caso, o site é em php básico. Como fica esse lance do plugin?

  28. Gilson

    Parabéns! Esse Byong é NINJA DOS NINJAS criei um blog segui o pesso a passo acima em 5s indexado. Showwwwww sucesso cara. Serei seu fiel seguidor.

  29. Diogo

    Muito bom mesmo, outra forma de saber se o artigo foi indexado é colocar no navegador
    site: seu dominio, que vai aparecer todas as paginas que foram indexadas
    por ex:
    site:compredachina.info

    Abraço

  30. Daniel

    Não possuo um site em wordpress posso fazer essa técnica com um site em html?
    Obrigado

  31. Murilo

    Olá, tudo bem?
    O processo de indexação de meus artigos no Google através do plugin indicado acima é capaz de indexar meu primeiro artigo e manter de forma automatica todos os outros novos posts SEMPRE sendo indexados?
    Meu site “dominio”, também sera indexado ou só a pagina do artigo?
    Desculpe minha ignorância e obrigado!

  32. talis

    blz brother?
    esse metodo serve para postar link tambem apenas sites classificados para indexar no google usando embed no youtube?

  33. Eric de Oliveira Campos

    Byong,

    suas dicas são muito valiosas, obrigado mesmo! Uma pergunta em relação ao link building. Sei que é importante fazê-lo em sites com autoridade, e que falam do assunto relacionado.

    Hoje tenho um blog sobre eletro domésticos que está com uma semana e já começa a apresentar bons resultados no rankeamento do google. Porém tenho esbarrado em muitos sites onde tento fazer o link building e me deparo com sistemas que não permitem que seja postado nenhum tipo de link.

    Como fazer nesses casos?

    Mais uma vez obrigado!

  34. Larissa

    Olá Byong,

    Adorei a dica, porém consegui fazer apenas pelo modo tradicional, Plingler!!!
    Uso a plataforma do wordpress e como estou começando, não comprei domínio e não estou na conta Premium, estou fazendo apenas alguns testes ainda! Esse plugin que você ensina do Sitemap como eu ativo ele? E apenas na conta premium?

    Obrigada pelas dicas, está me ajudando bastante na construção do meu blog.

  35. Igor Mateus

    Opa… vou testar esta técnica espero funcionar ainda… Obrigado Byong grande abraço

  36. elvis

    Cara me explica, a cada novo post que eu criar tenho que repetir o processo, ou depois de instalado o plugin é tudo automático?

  37. Rafael Papazzo

    Byong! Muito obrigado pela dica!!! Indexei como falou e em meno de 1 minuto ja estava indexado! Velocidade da luz mesmo rsrsrsrs

  38. Rodolfo Barros

    não tem nenhum problema com essa técnica? tipo punição do google? Mas posso melhora-la, tipo colocando um vídeo de conteúdo de qualidade semelhante ao post que estou criando.

    Parabens pelo post, foi otimo, gostei e vou aplicar.

  39. Henrique P. P. Pires

    Fala Jedi, muito bom o artigo cara.
    Qual é o software que você usa para analisar o SERP no Google, naquele print que você tirou ali.

    Abraço

  40. Fabiano Aguiar

    Olá, boa tarde.

    Este post já foi publicado há algum tempo, mas pelo que vi a dica ainda funciona. Porém não utilizo wordpress, tem alguma dica ninja para fazer o mesmo em outra plataforma?

    Abraços,
    Fabiano
    Temporis Secretária Remota e Assistente Virtual

  41. Alvaro

    Byong, VOCÊ É FERA. As minhas páginas rankearam no mesmo instante!!!
    Sou seu aluno do Mundo Y Platinum!!! Hehehehe… TOP, TOP, TOP…

  42. Hellen S.

    Fala Byong! Muito fera a técnica, vou aplicar já no meu próximo projeto.

    Sei que está muito ocupado nas diversas coisas que você faz, mas eu gostaria de dizer que sinto saudades dos posts mais frequentes aqui no MundoY.

    Conteúdos como estes fazem a diferença na internet!

    Ah, e só uma dúvida… como você fez para indexar a mesma página para 4 keywords diferentes?

  43. Clara

    Byong Kang ,
    Bom dia, sou aposentada e criei um site para alugar alguns espacos para temporada na praia de indaia em bertioga, fiz um site muito simples apos ter feito um curso no senac bertioga, ele ia bem na busca do google pois a 20 anos usava o mesmo hoster e dado as buscas era bem facil de se encontrado, porem meu hoster encerrou suas atividades e tive que contratar um novo, hoster gate, e ninguem me acha, Seu artigo e muito bom, entretanto eu sou muito fraca no ramo dos webers e teria que bater um pouco de cabeca para fazer as correcoes necessarias. Qto vc me cobra para que eu fosse encontrada, sou aluguel de temporada familiar. Aguardo seu retorno muito obrigada.

  44. Breno Silva

    como faço para usar essa técnica no blogger??

Comments are closed.